segunda-feira, abril 10, 2006

 

Localização de hipermercado: aplicação da teoria dos conjuntos difusos (III)


As avaliações de cada cidade, relativamente a cada critério, são expressas utilizando atributos linguísticos. Neste caso é possível, nestas classificações linguísticas, atribuir uma classificação entre duas principais, tais como «Entre muito pobre e pobre». As categorias e os respectivos pesos numéricos são os seguintes:

Atributo linguísticoPeso numérico
Muito pobre (MP)(0; 0; 0; 0,2)
Entre muito pobre e pobre (EMP e P)(0; 0,2; 0,2; 0,4)
Pobre (P)(0; 0,2; 0,2; 0,4)
Entre pobre e normal (EP e N)(0; 0,2; 0,5; 0,7)
Normal (N)(0,3; 0,5; 0,5; 0,7)
Entre normal e bom (EN e B)(0,3; 0,5; 0,8; 1)
Bom (B)(0,6; 0,8; 0,8; 1)
Entre bom e muito bom (EB e MB)(0,6; 0,8; 0,8; 1)
Muito bom (MB)(0,8; 1; 1; 1)


As avaliações das três cidades (A, B e C) são mostradas na tabela seguinte, para cada critério específico. Por exemplo AC1 representa a avaliação da cidade A, relativamente ao critério C1, acessibilidade e infra-estruturas urbanas.

D1D2D3D4
AC1MBNEB e MBEMP e P
BC1BEP e NEN e BN
CC1EB e MBPEN e BEP e N
AC2BNNP
BC2EN e BEP e NEN e BMB
CC2BBBEMP e P
AC3MBNMBEB e MB
BC3EP e NBBN
CC3PPEN e BP
AC4BMPBEP e N
BC4EN e BNPEN e B
CC4EP e NEN e BNB
AC5MPPMBB
BC5MBEMP e PNEN e B
CC5EN e BNEN e BP

Seguindo o mesmo procedimento que anteriormente, determinam-se os limites inferiores, dois modais e superiores dos valores das avaliações de cada local por cada critério. Por exemplo, para AC1, o limite inferior agregado das avaliações de todos os directores, com base nas tabelas anteriores, é:

Limite inferior = (MB + N + EB e MB + EMP e P) / 4 = (0,8 + 0,3 + 0,6 + 0) / 4 = 0,425

De igual modo, para o mesmo local e critério associado, os dois limites modais e o superior são:

Limites modais = (MB + N + EB e MB + EMP e P) / 4 = (1 + 0,5 + 0,8 + 0,2) / 4 = 0,625
Limite superior = (MB + N + EB e MB + EMP e P) / 4 = (1 + 0,7 + 1 + 0,4) / 4 = 0,775

Definindo Sij como a avaliação do local i pelo critério j e efectuando cálculos semelhantes, obtém-se:

SAC1 = (0,425; 0,625; 0,625; 0,775)
SBC1 = (0,30; 0,50; 0,65; 0,85)
SCC1 = (0,225; 0,425; 0,575; 0,775)

SAC2 = (0,30; 0,50; 0,50; 0,70)
SBC2 = (0,35; 0,55; 0,775; 0,925)
SCC2 = (0,45; 0,65; 0,65; 0,85)

SAC3 = (0,625; 0,825; 0,825; 0,925)
SBC3 = (0,375, 0,575, 0,65, 0,85)
SCC3 = (0,075; 0,275; 0,35; 0,55)

SAC4 = (0,30; 0,45; 0,525; 0,725)
SBC4 = (0,225; 0,425; 0,575; 0,775)
SCC4 = (0,30; 0,50; 0,65; 0,85)

SAC5 = (0,35; 0,50; 0,50; 0,65)
SBC5 = (0,35; 0,55; 0,625; 0,775)
SCC5 = (0,225; 0,425; 0,575; 0,775)

É necessário considerar, em seguida, o critério objectivo dos custos.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?